Senai abre matrículas para curso de piloto de drone

Objetivo do curso é apoiar a indústria no uso de novas tecnologias e ferramentas Por em março 7, 2019 8:06 pm , Categorias: Categorias: Categorias:

 

 

Sucesso em 2018, o Senai de Campo Grande está novamente com matrículas abertas para o curso de piloto de drone, equipamento utilizado em uma infinidade de atividades, atraindo o interesse de indústrias e corporações de diversas áreas, como engenharia civil, geociência, prevenção ambiental, logística e setores ligados ao cinema e à fotografia. As inscrições podem ser feitas até o dia 11 de março na secretaria da unidade e os interessados devem ter mais de 16 anos e ter concluído o Ensino Fundamental.

 

Segundo o gerente de tecnologia e inovação do Senai, Leandro Schneider, o objetivo do curso é apoiar a indústria no uso de novas tecnologias e ferramentas. “É um curso que acompanha as tendências de mercado e vem alinhado às necessidades da Indústria 4.0 e acaba beneficiando as indústrias a terem mais informações em tempo real e ações robotizadas, que vão contribuir com a melhoria dos processos, redução de custos e aumento da competitividade”, afirmou.

 

SOBRE O CURSO

 

Com uma carga horária de 28 horas-aulas, sendo quatro horas de conteúdo formativo e 24 horas de prática de voo, a capacitação será oferecida pelo valor de R$ 480,00 na modalidade ‘Iniciação Profissional’ e tem como objetivos gerais preparar profissionais por meio de fundamentos relativos à pilotagem de drones, apresentando suas especificações técnicas, procedimentos de pilotagem e a legislação vigente para a operação dos equipamentos.

 

Ao todo, serão abertas três turmas, uma com aulas aos sábados, das 13h às 17h10, e as outras duas às terças, quintas e sextas-feiras, sendo uma turma das 13 às 15 horas e a outra das 15h10 às 17h10. “Cada turma terá no máximo oito alunos para garantirmos a qualidade do curso, que veio para a região para dar mais um apoio às indústrias daqui. Nossa ideia é ampliar o acesso à tecnologia das empresas e familiarizar nossos jovens com a Indústria 4.0”, finalizou Leandro Schneider.

 

Mais informações pelo telefone 0800 7070 745.