Agronegócio põe MS em plano destacado, afirma Gerson Claro

Deputado ressalta as projeções de um PIB com índices maiores que a média nacional

Para o deputado Gerson Claro (Progressistas), os investimentos do governo de Reinaldo Azambuja (PSDB) atestam o peso diferenciado de Mato Grosso do Sul na economia por causa do agronegócio. Líder do Governo na Assembleia Legislativa, ele está convencido que as operações comerciais com produtos primários, industrializados ou in natura, serão fatores de redenção no período pós-pandemia.

Gerson Claro citou indicadores para defender seus argumentos, entre os quais um levantamento da Tendências Consultoria Integrada, publicado pelo jornal O Estado de São Paulo. A pesquisa revela que Mato Grosso do Sul está entre os cinco estados que devem encerrar o próximo ano com crescimento no PIB (Produto Interno Bruto) em relação a 2019.

“Se a previsão para o PIB local é de crescer 2,7% contra -6% para o restante do País, significa que existe um item de peso excepcional para alçar o Estado ao topo dos responsáveis pela recuperação da economia brasileira”, comparou. “E agora, com a rota bioceânica, o nosso diferencial será ainda mais expressivo”, reforça.

INTERIOR

Gerson Claro destacou a visita que fez a Santa Rita do Pardo. Foi conhecer o novo prédio da prefeitura, conversar com o prefeito Cacildo Dagno e outras lideranças, entre elas o secretário de Administração, Oziel Dias. “Trata-se de uma gestão empreendedora, que tem à sua frente pessoas ativas e preparadas, realizando um trabalho de absoluta sintonia com a vontade popular”, elogiou.

Compartilhe: