Deputados reafirmam compromisso com direitos da mulher

Rinaldo e Mara destacam ações da Alems com as lutas afirmativas

Ao término do mês que é marcado em Mato Grosso do Sul como “Agosto Lilás”, em referência às campanhas pela defesa dos direitos da mulher, os deputados do PSDB Paulo Corrêa, presidente da Assembleia Legislativa (Alems), Mara Caseiro e Professor Rinaldo destacaram o envolvimento do poder com as lutas afirmativas. Um dos focos é o volume de iniciativas relacionadas ao enfrentamento da violência doméstica e do feminicídio.

Paulo Corrêa elogiou a “postura firme” de todos os parlamentares para denunciar as agressões e humilhações que ferem a mulher. “Não podemos aceitar essas formas de violência. É fundamental que as leis sejam aprimoradas, que melhorem cada vez o alcance e a eficiência, tanto para reprimir e punir os agressores, como também para proteger, prevenir e conscientizar”, recomendou Corrêa.

“Estamos encerrando o Agosto Lilás, mas a violência contra nossas mulheres e meninas é sempre um tema de grande preocupação”, pontuou Mara. Ela disse que desde janeiro ocorreram 26 casos de feminicídio, o que causa imensa tristeza e indignação. Uma delas foi a menina indígena de 11 anos violentada por cinco homens. “Uma tristeza. Precisamos ter um mês para debater e discutir isso sim, mas manter o debate e levar informação todos os dias”, assinalou.

TOLERÂNCIA

Autor de várias propostas de cunho afirmativo, como a que acrescentou nos currículos escolares a inclusão transversal do debate sobre a Lei Maria da Penha (a Lei Estadual 5.539), para a conscientização da defesa da mulher, Rinaldo questionou: “Até que ponto precisamos fazer uma lei para conscientizar jovens a ter tolerância?”. “Precisamos desmitificar esse tabu de que o homem é mais poderoso. Vivemos num país onde a maioria dos homens é criada pelas mulheres da família e depois cresce perante a mulher?”. E respondeu: “Queremos uma sociedade mais justa e mais tolerante, sem espaço para a falta de respeito e truculência”, enfatizou.

Rinaldo parabenizou o Governo do Estado e os órgãos que trabalham com políticas públicas para as mulheres. Lembrou ter visitado naquela semana a Delegacia da Mulher, onde conheceu uma Sala Lilás, dependência de apoio instalada com recursos de uma emenda de sua autoria.

Compartilhe: