É possível adoecer no ambiente de trabalho?

dicas-saúde-mental-ambiente-trabalho-saudável-combate-estresse-prevenção-suicídio-setembro-amarelo-unimed-campo-grande-ms-2021

Já se sentiu estressado ou aflito com suas demandas? Sabia que um ambiente de trabalho adequado pode reduzir o nível de estresse do colaborador? E Síndrome de Burnout? Sabe o que é e como pode afetar a vida de profissionais?

Todo mundo já teve uma correria no trabalho ou se viu cheio de serviços, diante de uma vida intensa isso pode acontecer, mas ainda assim é importante ficar atento e saber que ter saúde mental no ambiente corporativo e torná-la uma rotina é essencial para um bom desempenho profissional.

E sim, é possível adoecer no ambiente de trabalho, por isso, para esclarecer o assunto e prevenir para que isto não aconteça, Dra. Aline Moreira, psiquiatra da Unimed Campo Grande, respondeu perguntas importantes. O assunto ganha ainda mais força neste mês, afinal, é Setembro Amarelo, uma campanha nacional com o objetivo de prevenir e reduzir os índices de suicídio no Brasil.

– É possível adoecer no ambiente de trabalho?
Sim, é possível. Em vários ambientes podemos adoecer e no trabalho existem fatores específicos que contribuem para o adoecimento.

– Como reconhecer uma pessoa com pensamentos suicidas no ambiente de trabalho?
O pensamento suicida muitas vezes não será explícito. O acometido destes pensamentos terá seu comportamento alterado e por muitas vezes tentará disfarçar seus sentimentos. Um olhar atento para si e para o outro pode facilitar a abordagem deste assunto.

– Como o ambiente de trabalho pode auxiliar na redução do nível de estresse e prevenção ao suicídio?
A informação sobre suicídio e a abertura para se falar das doenças mentais, sem julgamento e preconceitos, é a melhor forma de prevenção.

Os profissionais devem ajustar sua carga horária de trabalho para que tenham noites de sono suficientes para a homeostase do organismo (condição de estabilidade que o corpo necessita para o seu equilíbrio), momentos de lazer, descanso e convívio social satisfatório.

Órgãos públicos e empresas privadas precisam estabelecer metas atingíveis, promover o relacionamento entre os colegas de forma a evitar o isolamento social, estabelecer maneiras saudáveis de competição, reconhecer o funcionário nas conquistas e estimulá-lo no processo.

– O que é Síndrome de Burnout?
Síndrome de Burnout é um tipo de estresse ocupacional que acomete profissionais envolvidos com qualquer tipo de cuidado em uma relação de atenção direta, contínua e altamente emocional.

A síndrome é marcada por um desgaste, aumento de sentimentos de exaustão emocional, atitude de cinismo frente aos clientes e uma tendência à avaliação negativa devido a insatisfação do indivíduo com o seu trabalho.

A carga excessiva de trabalho, má gestão do tempo, remuneração insuficiente e ausência de equidade são os principais fatores causadores do Burnout. Reconhecer seus limites e ter a abertura para conversar com a chefia sobre a carga de trabalho pode prevenir o adoecimento.

A saúde mental é essencial para um melhor desempenho profissional, com ela em dia o indivíduo tem suas capacidades preservadas de forma a alcançar os melhores resultados.

DICAS

– Entrar e sair na hora acordada;
– Evitar sacrificar-se fazendo horas extras;
– Estabelecer bom vínculo com os colegas de trabalho;
– Procurar alimentar-se de maneira saudável;
– Priorizar o período de sono e descanso.

Compartilhe: