Gerson Claro pede reforma em escola de assentamento

Gerson Claro: “No assentamento, que possui cerca de 700 famílias, a escola é a única opção para quem deseja cursar o ensino médio”

O deputado estadual Gerson Claro (PP), líder do Governo na Assembleia Legislativa, está solicitando a reforma da Escola Municipal Paulo Eduardo de Souza Firmo, que fica no assentamento Eldorado, no município de Sidrolândia. A reivindicação foi encaminhada ao governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), e à secretária estadual de Educação, Maria Cecília Amêndola da Motta.

A reforma solicitada prevê pintura, reparo das instalações elétricas e hidráulicas, abertura de portas e janelas além da colocação de forro e piso na unidade de ensino. “No assentamento, que possui cerca de 700 famílias, a escola é a única opção para quem deseja cursar o ensino médio”, explicou Gerson Claro. A unidade conta hoje com 300 alunos matriculados. O número chega a 550 contando com os pólos que a escola possui.

A reforma é de grande importância, uma vez que o estabelecimento fica onde antes funcionava uma mecânica e um depósito de sal da fazenda Eldorado. “Essa estrutura existe desde 2010, necessitando urgente de uma adequação para proporcionar maior conforto e maior segurança aos professores, alunos e funcionários”, completou Gerson Claro. Ele fez a indicação ao governador atendendo pedido dos vereadores Kennedi Forgiarini e Juscelino Pereira.

REGULARIZAÇÃO

O deputado Gerson Claro realçou também a vitalidade administrativa do governo de Reinaldo Azambuja, que mesmo nesta crise e com várias ações preventivas e de combate à pandemia, ainda continua investindo em infraestrutura e inclusão social. O deputado destacou – e agradeceu – a iniciativa governamental que, por meio da Agência de Habitação Popular (Agehab), está avançando com o processo de regularização fundiária no interior, garantindo a posse das propriedades às famílias.

Ele destacou a entrega dos títulos de propriedade para 129 moradores do Bairro Pindorama, em Sidrolândia, que sofriam à espera desse benefício havia mais de uma década. Em parceria com a Agehab, além dessa entrega, 117 títulos já foram entregues nos bairros Cascatinha II e Pé de Cedro. “A população quer resultados, e é isso o que o governo vem fazendo”, afirmou.

Compartilhe: