Governo cumpre compromisso de valorização dos servidores

Ato convocou 590 administrativos da Educação e promoveu 557 agentes penitenciários

O governador Reinaldo Azambuja fez nesta terça-feira (21) o chamamento de 590 candidatos aprovados no concurso de 2018 da Secretaria Estadual de Educação (SED), voltado para os cargos administrativos. Na Governadoria, acompanhado dos secretários Eduardo Riedel (Infraestrutura) e Eduardo Rocha (Governo e Gestão Estratégica), ele assinou dois decretos relacionados ao certame: o primeiro amplia o concurso em 590 vagas e o segundo convoca os aprovados para o processo de nomeação e posse.

“Estamos chamando esses candidatos aprovados para trabalharem nas escolas da Rede Estadual de Ensino em todas as cidades sul-mato-grossenses. Os novos concursados vão trabalhar nas secretarias, na limpeza e na merenda, em substituição aos terceirizados”, explicou o governador.

O processo de nomeação e posse deve iniciar no começo de 2022. Na primeira leva do concurso, 500 candidatos foram convocados para assumir as vagas abertas.

AGENTES

Outro decreto do governador promoveu por antiguidade 557 agentes penitenciários. “É um pedido da categoria que foi aceito por causa do equilíbrio fiscal, já que saímos do limite prudencial de gastos com pessoal previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal. Isso nos permitiu avançar nas políticas de promoção e progressão funcional”, afirmou o gestor.

Em novembro deste ano a Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário) já havia sacramentado a formatura dos alunos das áreas de Administração e Finanças e de Assistência e Perícia do 38º Curso de Formação para Agente Penitenciário. Coordenada pela Escola Penitenciária (Espen), a capacitação teve carga horária total de 420 horas/aula e representou a última fase do concurso.

Ao todo, foram 10 concluintes, sendo nove de Administração e Finanças e um de Assistência e Perícia. Eles se juntaram aos outros 44 concluintes da área de Segurança e Custódia, totalizando 54 novos futuros servidores penitenciários em Mato Grosso do Sul.

 

 

Compartilhe: