Vida Após a Morte: há um antes e depois?

Vida-Após-Morte-Principal

Vida Após a Morte (Surviving Death) é um documentário dirigido por Ricki Stern (de Surviving Jeffrey Epstein) baseado em um livro de Leslie Kean, que examina as diferentes maneiras pelas quais as pessoas vivenciaram a ideia de que a morte não é o fim da vida. Quer sejam os milhões que tiveram experiências de quase morte (EQMs), médiuns que afirmam falar com os mortos, a ideia de reencarnação ou pessoas que veem sinais ou pessoas reais direto do além, Stern procura levar esses fenômenos a sério, tendo uma visão jornalística do estudo da vida após a morte.

ZONA DE SPOILERS

De cara nos mostra uma médica – a última pessoa que poderia crer nisso.

Essa mulher que anda de caiaque é um dos muitos exemplos do doc com uma abordagem jornalística de Stern, conversando com pessoas que tiveram essas experiências e que poderiam não acreditar anteriormente nesses conceitos. Mas essa mulher, Mary Neal, uma cirurgiã ortopédica de coluna, teve uma experiência de quase morte em 1999, imobilizada sob a água depois de se acidentar com seu caiaque em uma cachoeira íngreme.

Ela se afogou e parou de respirar por mais de 30 minutos, e a EQM que ela teve foi bastante vívida, com cores que ela nunca tinha visto antes, com um abraço caloroso que muitos relataram e um sentimento avassalador de pertencer e de desmoronar ao mesmo tempo, enquanto nos expande. Como médica, ela nunca esteve inclinada a pensar na consciência como algo mais que limitado pelo estado físico do cérebro. Mas depois de sua experiência, as coisas mudaram profundamente.

Mas tem mais.

O próximo tópico introduzido, por exemplo, são premonições. Depois um exame de duas partes dos médiuns – em que cada um tira suas próprias conclusões e por aí vai. Veremos que pode se pedir recados dos mortos, entenderemos os fantasmas e suas aparições, gente beirando a morte que vê parentes já falecido e até crianças que recordam de suas vida anteriores, incluindo como morreram.

FIM DOS SPOILERS

Serão contadas em Vida Após a Morte muitas histórias semelhantes tanto sobre EQMs, quanto a respeito de outras experiências. Alguns especialistas, como o Dr. Bruce Greyson da Divisão de Estudos Perceptuais da Universidade da Virgínia, estão constantemente buscando definir a ciência por trás das EQMs e outros conceitos que expandem a definição de consciência além do corpo humano físico. Eles falam sobre essas coisas em termos científicos, expressando as semelhanças e diferenças que viram em milhões de relatos parecidos.

Essa série de 6 episódios é para você que não acredita piamente mas tem esperança. É sempre interessante ouvir as pessoas que passaram por EQMs ou outros fenômenos que expandem nossos pensamentos sobre a consciência. Mas não qualquer pessoa; não adianta ouvir de pessoas que têm profunda convicção religiosa ou pensam que o que experimentaram foi um “milagre”. É legal ouvir cientistas ou outros não crentes que foram profundamente mudados pelo que passaram.

Eu mesmo que vos escreve tive uma EQM e possuo dons mediúnicos herdados de família.

Vida Após a Morte segue esse caminho de pessoas céticas e é um show muito mais interessante por causa disso. Não que seja uma abordagem cética, mas Ricki Stern tenta encontrar tantos pontos de vista científicos quanto possível para explicae os causos. Esses especialistas não tentam explicar o inexplicável; eles relatam que esses estudos mudaram a forma como eles veem as coisas, mesmo que ainda não haja fatos científicos sólidos por trás de sua mudança de ponto de vista. Não que isso mude sua opinião, mas adotar essa abordagem ajudará os espectadores a abrir suas mentes e prestar atenção, em vez de descartar as pessoas entrevistadas como “malucos” ou “malucos religiosos”.

5 pipocas!

Disponível na Netflix.

Compartilhe: